E Maria…

E Maria,

decidida ia

Apesar da lida

da ida tardia

sentia que devia

partia

absorvida sem energia

parte de si morria

sumia

de longe ele a via

no cemitério, de mãos vazias

em busca do amor que partia

ele no caixão dormia

a lágrima não alivia

tonta, já, sandia

Maria não tem agora

sua companhia

e dia após dia

sabia que já não vivia

saía

pegava sempre a mesma via

junto a cova do amado jazia

simetria

(sangria)

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: